quarta-feira, 11 de julho de 2012

IDEPE

Para ter o resultado do bônus da discórdia e da discriminação acesse:
Escolas classificadas em zero outras, em 100%. Os critérios para a tal premiação são desconhecidos, porém uma coisa é certa, as condições de trabalho não influenciam à premiação. Escolas funcionando precariamente apresentando problemas na rede elétrica, no sistema de esgoto, com biblioteca e laboratório de informática praticamente fechados, foram premiadas.
Uns fazendo festa, outros tristes, enquanto isso os trabalhadores em educação em Pernambuco continuam recebendo a pior remuneração do país.

9 comentários:

  1. Até hoje me questiono quais foram tais critérios. Minha escola é conhecida pela "linha-de-ferro" da gestora, que quer tudo nos conformes. E não alcançamos nada! É pressão para preenchimento de faltas do SIEPE, precisão na entrega dos resultados, tirando o sangue dos alunos e professores para apresentar bons resultados... Creio que nem mesmo ela sabe responder!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vocês, muito nebuloso mesmo.

      Excluir
  2. Questionei isso quando soube do resultado... Tanta pressão na minha escola para, no final, 0% de bônus... critérios desconhecidos e, para mim,. fraudados... Nem "eles" conseguem explicar tal mecanismo. Impossível uma escola alcançar 100 %. Assim como impossível uma escola alcançar 0%... Mas, aqui não se trata apenas de dinheiro... dessa esmola da educação...

    ResponderExcluir
  3. Confiram, escola com desempenho absurdamente inferior ao ano de 2010 tem direito a receber o bônus e escola que teve uma desempenho relativamente melhor em relação ao ano de 2010, não tem direito ao bônus.


    Cidade: Petrolina
    Escola: Escola Dom Malam

    Ano de 2010
    Ens. Fundamental Final - nota idepe 3.37
    Ens. Médio - nota idepe 3.55

    Ano de 2011
    Ens. Fundamental Final - nota idepe 3.50
    Ens. Médio - nota idepe 3.10

    essa escola receberá o bônus!
    -----------------------------------------------

    Cidade: Petrolina
    Escola: ESC MAR ANTONIO ALVES FILHO

    Ano de 2010
    Ens. Fundamental Final - nota idepe 3.20
    Ens. Médio - nota idepe 2.90

    Ano de 2011
    Ens. Fundamental Final - nota idepe 3.60
    Ens. Médio - nota idepe 3.30

    essa escola não receberá o bônus!

    Coisas da educação brasileira!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Precisamos saber que critérios são estes. Ouvi dizer que é mais ou menos assim, não sei se é verdade. Veja a seguinte situação hipotética. A Nota de Maria na avaliação foi seis, se Maria não é repetente, sua nota será seis, porem se for repetente será dividida pelo numero de repetência, no caso dois anos na mesma série sua nota cai para três. Depois de computada a nota de todos os alunos a nota da Escola será multiplicada pelo percentual de evasão e reprovação. Veja situação final. A nota dos alunos da Escola X foi cinco, o percentual de evasão e reprovação foi 30% a nota real da escola cai pra 3,5. Não sei se é verdade, gostaria também de saber.

      Excluir
  4. Participei no final de maio do ano passado no centro de convenções do seminário "Todos Por Pernambuco", no qual todos os secretários participavam de seminários com a população para discutir as políticas públicas de cada área, foi o dia todo e inclusive tivemos direito a almoço do Buffet Porto Fino.
    Ao fim do dia cada secretário apresentava na plenária geral o resultado das discuções do dia, juntamente com um representante dos participantes. Pois bem, quando chegou a vez da SEE o Sr. Anderson leu a sua parte e quando chegou a vez da representante dos participantes do seminário uma das deliberações deste grupo foi a "Extinção" deste famigerado "Bônus". A professora expôs sua pauta e um dos seus principais argumentos era de que a educação não é uma competição, pelo fato de que o bônus jogar trabalhadores em educação uns contra os outros a fim de alcançar as "metas". Isto eu presenciei e vejo hoje como é que temos um governo "democrata", a ponto de não dar ouvidos nem a um seminário convocado pelo próprio.
    Assim, não vai demorar muito e teremos que fazer como fizeram no Egito, e fazer com que o Estado seja do povo e não dos ditadores.

    ResponderExcluir
  5. O governo de Eduardo Campos divulga aos quatro ventos das mídias que paga o "bônus" para os professores, porém ele não, divulga que cerca de 68% do salário do professor acrescido pelo bônus vai para o Governo: federal e estadual através dos descontos de Imposto de Renda e Funafins, Sassepes entre outros. Seu Governador tenha piedade de quem realmente eleva o nível educacional do,estado de Pernambuco, não é o governo federal nem estadual que ministra as mudanças, somos nós, aqueles que são penalizados por trabalho, compromisso e dedicação ao futuro dad educação do Estado de Pernambuco e do Brasil.

    ResponderExcluir